ONDE ASSISTIR, HORÁRIOS E ESCALAÇÕES

A seleção brasileira sub-23 faz nesta terça-feira a sua estreia no Torneio Pré-Olímpico, que dá duas vagas para a América do Sul nos Jogos Olímpicos Paris-2024. O primeiro jogo será contra a Bolívia, no estádio Brigido Iriarte, em Caracas, às 17h (horário de Brasília). O sportv e o Globoplay transmitem a competição.

O Brasil é o atual bicampeão olímpico (2016 e 2020) e vai em busca do inédito tricampeonato seguido no futebol masculino dos Jogos. Hungria e Inglaterra têm três medalhas de ouro desse torneio, mas não as conquistaram em sequência.

Para chegar em Paris-2024, a seleção brasileira precisa encarar o difícil Torneio Pré-Olímpico. De 10 equipes sul-americanas, apenas duas se classificam para a próxima edição dos Jogos.

A seleção brasileira tem como principais destaques para este torneio os atacantes John Kennedy, do Fluminense, e Endrick, do Palmeiras. O capitão do time é o meio-campista Andrey Santos, do Chelsea. Outros nomes mais conhecidos do futebol brasileiro são o atacante Gabriel Pec, que vai trocar o Vasco pelo LA Galaxy, o meia-atacante Maurício, do Internacional, e o volante Alexsander, do Fluminense.

Bolívia e Brasil fazem parte do Grupo A do Pré-Olímpico. A segunda partida da seleção brasileira será contra a Colômbia, no dia 26. Depois, contra o Equador no dia 29, e por fim contra a Venezuela no dia 1 de fevereiro.

Desde que Ramon Menezes anunciou os convocados para o Pré-Olímpico, oito nomes precisaram ser retirados: o goleiro Andrew, os laterais Vinícius Tobias, Luan Cândido e Patryck; os zagueiros Kaiky Fernandes e Robert Renan; o meio-campista Danilo, todos por não liberação dos clubes; e o último foi o lateral Matheus Dias, por lesão.

A Bolívia empatou em 3 a 3 com o Venezuela no jogo de abertura do Pré-Olímpico. A seleção brasileira folgou na primeira rodada do Grupo A.

Bolívia x Brasil – Pré-OlímpicoData/horário: 23 de janeiro de 2024, às 17h (horário de Brasília)Local: Estadio Nacional Brígido Iriarte, em Caracas (Venezuela)Onde assistir: sportv, Globoplay e em Tempo Real no ge.

Bolívia: Adorno; Quinteros, Romero e Medina; Duran, Salazar e Villamíl; Chávez, Villarroel, Nava e José Briceño. Técnico: Antônio Carlos Zago.

Brasil: Mycael; Marlon Gomes, Arthur Chaves, Michel e Kaiki Bruno; Bruno Gomes e Andrey Santos; Guilherme Biro, Marquinhos, John Kennedy e Endrick. Técnico: Ramon Menezes.