DECEPCIONANTE? COMENTARISTA DIZ QUE 'FLAMENGO DE TITE' ESTÁ ABAIXO DAS EXPECTATIVAS

A performance do Flamengo tem sido um prato cheio para discussões, com a oscilação da equipe se destacando especialmente no clássico contra o Vasco, neste domingo (04). Carlos Eduardo Mansur, durante o programa Troca de Passes, apontou para essa inconsistência, apontando como esperava bem mais do respeitado treinador que esteve à frente da Seleção Brasileira por seis anos.

“O Flamengo teve bons momentos contra o Vasco recuperando a bola no campo de ataque. Por vezes, não consegue manter isso por mais de 30 minutos. Isso vai dando uma oscilada, é início de temporada. Com a bola, faltou alguma coisa de movimento para infiltrar. Nos últimos 30 metros de campo faltava algo. No segundo tempo (contra o Vasco), o Flamengo teve menos controle do jogo”​​, pontuou.

Enfrentando o Botafogo em mais um clássico no Maracanã, o Flamengo tem a chance de virar a página e buscar a vitória. A expectativa em torno desse jogo é amplificada pela possibilidade de estreia de Luiz Henrique pelo Botafogo, um jogador que estava no radar do Flamengo, mas cuja proposta não convenceu o Real Betis​​. Esse confronto direto será crucial para as pretensões do Flamengo na temporada.

A formação do meio de campo do Flamengo, definida por Tite como Pulgar, Gerson, Arrascaeta e De La Cruz, mostra uma equipe forte na posse de bola, mas ainda vulnerável a contra-ataques​​. Essa composição destaca a intenção de Tite de ter um time ofensivo, embora ainda precise encontrar o equilíbrio ideal para evitar surpresas desagradáveis nas transições defensivas.

Encarando o Campeonato Carioca, o Flamengo busca solidificar sua posição e ajustar seu jogo para enfrentar os desafios de uma temporada longa e exigente. O clássico contra o Botafogo não será apenas mais um jogo, mas uma oportunidade de resposta a críticas e uma chance de demonstrar evolução.